16 de agosto de 2011

A Nova Traição de Judas – Força Sigma Vol. 3 [Resenha #025]

Já há algum tempo tinha A Nova Traição de Judas em minha estante, mas o fato de nunca ter lido nada de James Rollins  era um ponto contra na hora de escolher algo novo para ler, então ele acabava sempre sendo deixado de lado. Mas, como todos sempre tem sua vez, decidi experimentar.

O livro narra uma busca frenética por algo misterioso mas que, sabe-se, pode salvar o mundo de uma grande epidemia, que aparentemente volta contra nosso corpo células que, a priori, deveriam ter finalidades benéficas. Nessa corrida contra o tempo estão a Força Sigma, braço ultra-secreto das forças especiais norte-americana, e a misteriosa Guilda, uma organização terrorista onipresente, porém misteriosa, conhecendo-se, na realidade, muito pouco sobre ela.

A Nova Traição de Judas

Rollins optou por narrar o livro de forma alternada, acompanhando as diferentes frentes de busca pela cura: a científica, com foco na Dra. Lisa Cummings, da Sigma, e o Dr. Devesh Pantajali, da Guilda; e a histórica, com o comandante Gray Pierce, e Kowalski (o personagem mais hilário de todo o livro) membros da Sigma, e seu aliado o Monsenhor Vigor, Prefeito dos Arquivos Secretos do Vaticano, e, ainda, Seichan, uma das mais procuradas terroristas da Guilda, que, para não ser morta por Nasser, seu ex-“parceiro”, decide se aliar à Gray. Assim, com a narrativa de forma alternada, ganha-se mais agilidade, pois acompanha-se os avanços de cada frente de pesquisa quase que simultaneamente, o que permite, inclusive, uma visão mais ampla de tudo o que se passa, e de forma bem mais efetiva que se optasse por dividir o livro, por exemplo, em partes fechadas, contando a trilha histórica em uma e a trilha científica em outra.

Uma das coisas que me incomodaram foi o fato de A Nova Traição de Judas fazer parte de uma série maior, a Força Sigma, mas não ser o primeiro volume da mesma. Falha minha. Apesar de possuir três volumes da série, não sei porque cargas d’água o idiota aqui pegou para ler justamente o último deles! Assim, a todo momento são citados fatos anteriores envolvendo os personagens, e fiquei meio perdido, pois estes detalhes são importantes para a formação dos laços – sinceros ou não – entre elas, e agora, inevitavelmente, sei de antemão quem sobreviverá ou não. É a vida...dos idiotas.

O livro também apresenta alguns erros grosseiros: faltam letras em algumas palavras, e em dado momento é sugerido que a soma de 13 com 17 é igual a 100. Não são problemas que atrapalhem o andamento da narrativa, mas te põem a pensar que a editora poderia ter tido um pouco mais de cuidado na revisão final, antes de disponibilizar o livro à venda.

Com cenários inspirados: temos de uma fuga pela cidade em um Thunderbird até o cerco a um navio cruzeiro utilizado como hospital de campanha, cedido por um excêntrico bilionário – que, como dizem, é pau pra toda obra – até ilhas que abrigam piratas e tribos canibais; chegando até as ruínas de Angkor, somos brindados com um bom thriller de ação, com boas doses de aventura e história, bem do jeito “Dan Brown” de ser, usando-a a seu favor, nem que para isso seja preciso esticá-la aqui ou cortá-la de lá.

No final vale a pena. Agora tenho que me decidir se leio o volume 2 ou o 1…

A Nova Traição de Judas – Força Sigma Vol. 3 (The Judas Strain – Sigma Force III, 2007Tradução de Marcos José da Cunha e Alexandre Martins) James Rollins – 526 páginas, ISBN 9788500330179  Ediouro.

3a

 

.

5 comentários:

  1. Gente, amo a Seichan!! rs
    Tenho essa trilogia e acredita que comigo aconteceu o mesmo que com você? Comecei a trilogia pelo livro errado. rs Mas quando descobri larguei no meio e comecei do começo.
    Você já leu os outro volumes?
    Então, Luciano, tenho uma notícia péssima. Força Sigma não é uma trilogia, e sim uma série. MAs os outros livros não foram publicados no Brasil. Pensa na Raiva que eu fiquei quando descobri que a Editora vende isso aqui com Trilogia... Tem em Pt de portugal, mas fica tão caro pra importar...
    Eu gostei muito mesmo assim, achei melhor que o Dan Brown.

    =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joelma, quando descobri era tarde demais. Mas sério que é toda uma série!?! Sacanagem das bravas. Eu gostei muito do livro, agora tenho de ler os restantes, espero qe seja ainda este ano.

      Abraços.

      Excluir
  2. Apenas como curiosidade, meio fora de época ja que estou mais de 1 ano atrasado no comentário... Os 3 livros são excelentes. E nos EUA existe 1 livro antes do "nosso" primeiro e nada menos que SETE livros lançados após o "nosso" último. Uma pena. Deve ser uma série incrível.

    ResponderExcluir
  3. Li O Mapa dos Ossos e gostei muito. Acho que A Nova Traicao de Judas tb sera um otimo livro!

    ResponderExcluir
  4. Li O Mapa dos Ossos e gostei muito. Acho que A Nova Traicao de Judas tb sera um otimo livro!

    ResponderExcluir

Olá, seu comentário é muito importante para nós.

Nenhum comentário aqui publicado sofre qualquer tipo de edição e/ou manipulação, porém o autor do blog se reserva o direito de excluir todo e qualquer comentário que apresente temática ofensiva, palavras de baixo calão, e qualquer tipo de preconceito e/ou discriminação racial, estando assim em desconformidade com nossa Política de Privacidade.

Oscar