18 de fevereiro de 2012

Um Mundo Brilhante [Resenha #038] + Promoção

Sinopse: Quando o professor Ben Bailey sai de casa para pegar o jornal e apreciar a primeira neve do ano, ele encontra um jovem caído e testemunha os últimos instantes de sua vida. Ao conhecer a irmã do rapaz, Ben se convence de que ele foi vítima de um crime de ódio e se propõe a ajudá-la a provar que se tratou de um assassinato. Sem perceber, Ben inicia uma jornada que o leva a descobrir quem realmente é, e o que deseja da vida. Seu futuro, cuidadosamente traçado, torna-se incerto, pois ele passa a questionar tudo à sua volta, desde o emprego como professor de História, até o relacionamento com sua noiva. Quando a conheceu, Ben tinha ficado impressionado com seu otimismo e sua autoconfiança. Com o tempo, porém, ela apenas reforçava nele a sensação de solidão que o fazia relembrar sua infância problemática. Essa procura pelas respostas o deixará dividido entre a responsabilidade e a felicidade, entre seu futuro há muito planejado e as escolhas que podem libertá-lo da delicada teia de mentiras que ele construiu. Esta, enfim, é uma história fascinante sobre o que devemos às pessoas, o que devemos a nós mesmos e o preço das decisões que tomamos.


Pra começo de conversa, Um Mundo Brilhante já surpreende ao primeiro contato pela alta qualidade do trabalho feito na capa: além de representar muito bem a busca pela qual o personagem principal passa, o cuidado com a elaboração da mesma é surpreendente para os padrões nacionais, com verniz, brilhos e etc. Não dá ara explicar com palavras – e não se pode ver nas imagens – e por isso a surpresa é tão grande: você só percebe toda a beleza da mesma com o livro em mãos. Até mesmo os mais chatos, como eu, que dizem que não se deve julgar um livro pela capa se renderão a ela. Para constar, o belo trabalho é creditado à equipe Novo Conceito, com imagem de Michael Vincent Manalo.
Um Mundo Brilhante me pareceu bem semelhante aos livros de Nicholas Sparks (leia aqui minha resenha de “Um Homem de Sorte”), por se tratar de uma busca pessoal e etc., porém é melhor que ele. A autora, Tammy Greenwood soube desenvolver seus personagens – em especial Ben – de forma mais convincente que Sparks, indo mais fundo em sua história para traçar seu perfil psicológico, o que fez que compreendesse melhor o que se passava com ele. Isso não quer dizer que ela seja melhor escritora que Sparks, afinal ela teve a vantagem de ter tido o terreno pavimentado para seu livro com a leitura de “Um Homem de Sorte”, talvez eu é que estivesse mais preparado para livros deste tipo após a leitura anterior. 
Voltando à história, a literatura está povoada de personagens fracos e sem vontade própria. Ben sofre por ter pedido sua noiva em casamento e, após isso, se arrependido, mas sem ter coragem de por um ponto final na história. Além disso, ele é professor com doutorado mas que não consegue boas atribuições de aulas, o que o faz trabalhar com barman; e um episódio acontecido na infância, e do qual se culpa, só vem somar para deixá-lo ainda mais depressivo. O livro, dividido em cinco partes, traz capítulos curtos que dinamizam a leitura, além de alternarem entre a história presente e o passado de Ben, o que nos faz ter um panorama completo que, em parte, explica suas atitudes, ou ao menos as razões que o movem.
O interessante é como, ao ler o livro, percebemos que, por mais que queiramos uma saída para uma situação que nos incomoda, ao nos depararmos com ela nem sempre temos coragem suficiente para tomar uma atitude. Quantas pessoas reclamam do próprio emprego mas não tem coragem para largar tudo e procurar algo melhor? \o Ben passa por isso. Vivendo uma vida que em nada lhe agrada, vê, após encontrar um garoto agonizando em sua calçada, uma chance para mudar, para ter tudo o que sempre sonhou, para viver um amor verdadeiro, mas ao mesmo tempo em que tem uma clara ideia do que deve fazer, não consegue tomar atitudes definitivas, ficando então em meio a diversas mentiras.
A autora acertou ao tratar em sua história do preconceito contra o povo indígena, ainda tão presente nos Estados Unidos, e demonstra no decorrer dos fatos todo o descaso pelo qual passam, sendo, inclusive, culpados mesmo se espancados até a morte. Porém, ao trazer a tona o amor de Ben pela irmã da vítima, Shadi, e ao focar nisso como ponto principal da história, numa espécie de triângulo amoroso onde caberá ao fraco Ben decidir seu destino, tem-se a impressão de que o assassinato é uma mera desculpa para que se conhecessem.
Ben é de um conformismo irritante, sua noiva, Sara, é mimada e insuportável, e Shadi, a irmã do garoto assassinado perfeita demais para ele. Ela é a única personagem de quem realmente gostei, e admiro a autora por ter essa coragem, por não nos dar um livro com seres extremamente perfeitos, e por demonstrar, sem medo, suas fraquezas e desvios de caráter. Ela ganhou meu respeito assim. Muitos que lerem o livro dirão que não gostaram por não simpatizarem com os protagonistas. Eu, sinceramente, a agradeço por não fazer de Um Mundo Brilhante só mais um mundinho cor-de-rosa.
Um Mundo Brilhante (This Glittering World, 2012Tradução de Ivar Panazzolo Júnior) T.Greenwood– 336 páginas, ISBN 9788563219411, Editora Novo Conceito.

{ A }



Promoção

Para participar, deve-se seguir as seguintes regras:
  1. Você deve ser seguidor do blog
  2. Deve preencher o formulário abaixo.
  3. Deve ter um endereço de entrega no Brasil.
  4. Comentar neste post.
Siga as instruções do Rafflecopter. Pode parecer estranho, mas é mais prático que os formulários do Google. Em caso de dúvida, veja neste post como a ferramenta funciona. Também estou a disposição para sanar qualquer dúvida, basta deixá-la nos comentários.
Basicamente, você deve fazer login via e-mail ou Facebook e completar a etapa obrigatória, ou seja, ser seguidor do blog no Friend Connect, para liberar a página seguinte, com as instruções para as chances extras. Para tanto, basta clicar no “Do It” para preencher os dados equivalentes.

[UPDATE] : Devido a possibilidade de o Google descontinuar o Friend Connect, seguir o blog através da ferramenta não é mais uma etapa obrigatória para participar da promoção. Sendo assim, ao efetuar o login abaixo, você já poderá acessar a todas as opções de participação.

Serão aceitas inscrições até o dia 31 de março. Boa sorte ;)

[Veja aqui o resultado da promoção]

45 comentários:

  1. Participando

    Wanessa SOuza

    esquci de comentar ;)

    ResponderExcluir
  2. O livro pode ate se bacana e bem escrito, mas duvido que seja tão bom quanto do muso Sparks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, eu, pessoalmente, o achei melhor que o único Sparks que li, que foi "um Homem de Sorte", mas é questão de gosto.

      Excluir
  3. Virginia de Oliveira21 de fevereiro de 2012 16:54

    Participando!!!

    ResponderExcluir
  4. Participando com certeza!! Eu me indentifiquei bastante com o titulo desse livro e fui ler as sinopses, foi só mais um gatilho pra eu querer ler mais ainda xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria Clara, ele me chamou a atenção desde o começo também, foi muito bom tê-lo lido. Boa sorte ;)

      Excluir
  5. Nossa espero gostar dessa leitura...\o/....bem de repente pela construção da história eu acabe apreciando tanto quanto você, pois amo mundo perfeitos, porém os imperfeitos tem seu charme. Fico feliz que tenha gostado tanto....\o/...beijokas elis!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elis, eu gostei muito, me surpreendi em todos os sentidos. BAstou um livro para me tornar fã da T. Greenwood. Espero que goste também quando lê-lo ;)

      Excluir
  6. Aah eu quero muito esse livro!!! Vou ganhar a promoção!!

    ResponderExcluir
  7. Tabata Marlyse Lopes27 de fevereiro de 2012 01:33

    Participando!! =D

    ResponderExcluir
  8. Li sua resenha morrendo de inveja, o modo como você escreve é surpreendente, eu não sei explicar, você tem talento. É isso. Estou impressionada.
    O livro é um dos que mais quero, por dizerem ser tão diferente e surpreendente.

    Estou participando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ágata, muito obrigado ;) o livro é muito bom, e me surpreendeu bastante, foi uma das melhores leituras que fiz em anos. Vale à pena.

      Excluir
  9. Participando!
    Parece ser um livro interessante! ^~^

    ResponderExcluir
  10. Participando apesar de estar lendo o livro sempre é bom poder ganhar uma obra da Novo Conceito.

    Bjs
    Irene Moreira

    ResponderExcluir
  11. Participando! Vou ganhar! É meu! \o/

    ResponderExcluir
  12. Também já estou participando! Apesar de ser azarada e não ganhar nem frango em quermesse não resisto a um sorteio de livro! ;)

    ResponderExcluir
  13. Resenha perfeita. Não é que fiquei com muita vontade ler!

    Beijos
    Luciana @Appromances

    ResponderExcluir
  14. Luciano,
    Que bom que você leu Um Mundo Brilhante, estava na sua wishlist, né?
    Gente, uma pessoa com doutorado trabalhar como barman?! Acho que aqui no Brasil isso dificilmente aconteceria. Mas parece que 'lá pra fora' isso é comum...
    Não tenho lido muitos romances contemporâneos como esse (e como acho que é Sparks), fico com medo de não gostar...
    Os índios também são discriminados aqui no Brasil, mas tem muitos direitos, em compensação. Não sei se nos EUA a lei os proteje como aqui...
    Quem sabe dessa vez não dou sorte e ganho uma promo aqui no Pnto Livro, né! rs Vamos torcer.

    =)



    Obs.: Onde você escreveu '(leia aqui minha resenha de “Um Homem de Sorte”)' está faltando o link. =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joelma, eu também tinha receios quanto a livros deste tipo, mas me adaptei muito bem a eles, e aé conseguiram me surpreender. "Um Mundo Brilhante" estava mesmo na wishlist, foi muito bom poder tê-lo em mãos.

      Boa sorte nas promos e obrigado pela dica, vou corrigir de casa ;)

      Excluir
  15. Eu estou loooouca por este livro!! Tem tanta gente falando bem dele!! Estou participando com certeza!!

    ResponderExcluir
  16. Os kits da novo conceito são tão lindos. Sem contar que estou doida para ler Um Mundo brilhante, participando.

    ResponderExcluir
  17. Quero ler para ter uma opinião melhor!

    ResponderExcluir
  18. Amei, preciso desse livro urgente! To participando.
    Boa sorte a todos e parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  19. participando
    bjs

    ResponderExcluir
  20. Faz tanto tempo que quero esse livro.
    Já tô participando! (yn)

    ResponderExcluir
  21. Já li em vários site a resenha deste livro e quero muito ganhar ele. Quero saber mais sobre como o Ben vai resolver os conflitos que irão surgir na sua vida. Um ótimo livro para refletir um pouco!

    Abrc!

    ResponderExcluir
  22. Sinceramente... quando os personagens não me agradam eu me irrito com o livro, tenho vontade de gritar com eles , etc, porém mesmo assim tenho esperança que eles melhores, pelo jeito no livro não adianta IAOSHA, mas o bom é que te estimula a ler.. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andressa, mas tudo pode ser uma questão de ponto de vista: o que eu não gosto pode agradar a você, e vice-versa ;)

      Excluir
  23. Esse livro parece ser muito legal. Ansiosa para ler!

    @Tibiux

    ResponderExcluir
  24. Li esse livro no lançamento e foi um dos melhores do ano. Ainda assim, eu gosto muito do Ben, eu entendo o lado dele e simpatizo com seus conflitos. Mas Shadi é um dos personagens mais interessantes que eu já li, sem dúvidas.

    P.S.: Adoro ressuscitar posts _o/

    ResponderExcluir

Olá, seu comentário é muito importante para nós.

Nenhum comentário aqui publicado sofre qualquer tipo de edição e/ou manipulação, porém o autor do blog se reserva o direito de excluir todo e qualquer comentário que apresente temática ofensiva, palavras de baixo calão, e qualquer tipo de preconceito e/ou discriminação racial, estando assim em desconformidade com nossa Política de Privacidade.

Oscar