9 de maio de 2012

Correio #5

geral

Novamente atrasado com a postagem do que andei recebendo, mas agora devido ao notebook gripado, que, felizmente, já é um problema contornado. Então, venho trazer hoje os últimos livros que recebi da editora Novo Conceito, parceira do blog; e, aos poucos, vou retornando à rotina, que não é muito rígida por aqui, diga-se de passagem: resenhas na segunda; um post na quarta, e o “Qual é o Livro?” na sexta.

Tenho algumas ideias e, agora que estou de férias, é o momento para anunciá-las, o que deve acontecer a partir da semana que vem, aos poucos. Espero contar com vocês.

Voltando aos livros, os que recebi foram:

O Sonho de Eva-Viva para Contar

O Sonho de Eva, de Chico Anes – Dra. Eva Abelar, autoridade mundial em sonhos lúcidos, é informada de que seu filho, Joachim, uma criança autista, desaparece na mesma noite em que sua irmã, Anna, pula do 20º andar de um edifício em São Paulo. Anna era a principal cientista do projeto DreamGame, invento revolucionário que permite à pessoa jogar enquanto dorme. Eva é convidada por Yume a assumir o lugar da irmã e, à procura de respostas, se envolve em uma trama perigosa, que alcança os limites dos desejos inconscientes do homem. Enquanto usa seus conhecimentos para desvendar a morte de Anna e reencontrar Joachim, Eva descobre o quanto a sociedade está vulnerável à tecnologia e aos estímulos subliminares, e como esses estímulos podem sequestrar a liberdade e extinguir o livre-arbítrio. [Comprar no Submarino]

Viva para Contar, de Lisa Gardner – Em uma noite quente de verão, em um bairro de classe média de Boston, um crime inimaginável foi cometido: quatro membros da mesma família foram brutalmente assassinados. O pai — e possível suspeito — agora está internado na UTI de um hospital, entre a vida e a morte. Seria um caso de assassinato seguido por tentativa de suicídio? Ou algo pior? D. D. Warren, investigadora veterana do departamento de polícia, tem certeza de uma coisa: há mais elementos neste caso do que indica o exame preliminar. Danielle Burton é uma sobrevivente, uma enfermeira dedicada cujo propósito na vida é ajudar crianças internadas na ala psiquiátrica de um hospital. Mas ela ainda é assombrada por uma tragédia familiar que destruiu sua vida no passado. Quase 25 anos depois do ocorrido, quando D. D. Warren e seu parceiro aparecem no hospital, Danielle imediatamente percebe: vai acontecer tudo de novo. Victoria Oliver, uma dedicada mãe de família, tem dificuldades para lembrar exatamente o que é ter uma vida normal. Mas fará qualquer coisa para garantir que seu filho consiga ter uma infância tranquila. Ela o amará, independentemente do que aconteça. Irá protegê-lo e lhe dar carinho. Mesmo que a ameaça venha de dentro da sua própria casa. [Comprar no Submarino]

A Casa das orquídeas-A Arte da Imperfeição

A Casa das Orquídeas, de Lucinda Riley– Quando criança, a pianista Júlia Forrester passava seu tempo na estufa da propriedade de Wharton Park, onde flores exóticas cultivadas pelo seu avô nasciam e morriam com as estações. Agora, recuperando-se de uma tragédia na família, ela busca mais uma vez o conforto de Wharton Park, recém-herdada por Kit Crawford, um homem carismático que também tem uma história triste. No entanto, quando um antigo diário é encontrado durante uma reforma, os dois procuram a avó de Júlia para descobrirem a verdade sobre o romance que destruiu o futuro de Wharton Park... E, assim, Júlia é levada de volta no tempo, para o mundo de Olívia e Harry Crawford, um jovem casal separado cruelmente pela Segunda Guerra Mundial, cujo frágil casamento estava destinado a afetar a felicidade de muitas gerações, inclusive da de Júlia. [Comprar no Submarino]

A Arte da Imperfeição, de Brené Brown – Este importante livro é sobre a jornada de uma vida, deixando de se preocupar com "O que os outros vão pensar?" e acreditando que "Eu sou suficiente". A habilidade ímpar da autora em misturar pesquisa original com relatos faz com que a leitura de A Arte da Imperfeição pareça uma longa e animadora conversa com uma amiga muito sábia que oferece compaixão, sabedoria e ótimos conselhos. A cada dia nos deparamos com uma enxurrada de imagens e mensagens da sociedade e da mídia nos dizendo quem, o que e como devemos ser. Somos levados a acreditar que, se pudéssemos ter um olhar perfeito e levar uma vida perfeita, já não nos sentiríamos inadequados. E se eu não posso manter todas essas bolas no ar? Por que não é todo mundo que trabalha duro e vive às minhas expectativas? O que as pessoas vão pensar se eu falhar ou desistir? Quando posso parar de provar a mim mesmo? Em A Arte da Imperfeição, Brené Brown, Ph.D, é uma especialista em vergonha, autenticidade e compartilha a coragem que aprendeu em uma década de pesquisas sobre o poder de viver sinceramente. [Comprar no Submarino]

Queria muito ler “O Sonho de Eva”, mas optei pelo “A Casa das Orquídeas”, que me chamou muito a atenção. Além de ser enorme, são quase seiscentas páginas, fez muito sucesso lá fora e, de alguma forma, pesquisando mais sobre me lembrou um pouco – e só um pouco, fique claro – Downton Abbey, com sua casa centenária, uma família em busca de manter sua linhagem, a procura pelo amor, e o quanto de mentiras são contadas para um “bem maior”. Estou gostando, ando por volta da página cento e cinquenta, a narrativa não é brilhante, a autora intercala trechos na terceira pessoa e algumas recordações das personagens na primeira, o que é bastante chato e quebra o ritmo da leitura, mas a história cativa. Devo terminá-lo ainda esta semana, e então dou notícias ;)

Dos demais, “A Arte da Imperfeição” parece ser auto-ajuda, ou algo parecido, então não sei quando o lerei, mas “Viva para Contar” promete ser um thriller interessante, com uma detetive: isso aí, do sexo feminino! Não li muitas delas, espero que D.D. Warren, cria da autora Lisa Gardner, seja do primeiro escalão.

Ah, volto na sexta com um post que pode ajudá-los a descobrir “Qual é o Livro?”, e na semana que vem, espero, o blog – e quem o escreve – volta ao normal.

12 comentários:

  1. Menino, vc tá estimulando meu consumismo literário (que já é um caso sério kkk) essa semana cruzei com Estilhaça-me na livraria, foi por um fio de cabelo de sapo que não comprei e olha que ultimamente não tenho tempo nem para morrer que dirá para descobrir na prática os fascínios de uma distropia rsrs... Enfim... Vá lendo daí que eu vou esperando daqui por quais caminhos vc vai estimular meu consumismo literário!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *distopia (corrigindo só pq o "r" faz muita diferença nessa palavra rsrs)

      Excluir
    2. Pandora, "Esilhaça-me" tem os defeitos que falei, o romance meloso e tal, mas é um bom livro ;)

      Excluir
  2. Nossa quanto livro bom... da até uma invejinha-q
    haha
    beijos
    MODAEEU

    ResponderExcluir
  3. Você sabe me dizer o que é esse brinde que veio no kit do A Casa das Orquídeas? Porque até agora eu não entendi o que é... kkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O brinde é um vaso de plástico. Conforme você o enche de água, ele toma a forma real de um vaso.

      Excluir
    2. João, como a Pâmela disse, é um vaso. ;)

      Excluir
  4. Boa tarde!
    Já está participando do TOP COMENTARISTA do mês de maio do blog O Leitor?
    Ainda não?
    Tá esperando o que? O prêmio deste mês de estréia é um super kit de marcadores, e que a cada semana só cresce.
    Para isso, basta você seguir as regras que se encontram no final de cada postagem de resenhas ou novidades.
    Conto com você e espero te espero lá.

    Desculpe pelo incômodo e obrigada pela atenção,

    Pamela - resenhista do blog O Leitor.
    http://oleitor2.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa, só Novo Conceito! Quero muito ler Viva Para Contar. Os kits da editora são sempre ótimos!

    Beijos

    Lu Tazinazzo
    http://aceitaumleite.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, o Viva Para Contar parece mesmo ser bem interessante ;) Será uma de minhas próximas leituras.

      Excluir
  6. Livros são sempre lindos, principalmente os novos.
    Gostei da máscara pra dormir, será que posso usar no ônibus?! rsrs

    ResponderExcluir

Olá, seu comentário é muito importante para nós.

Nenhum comentário aqui publicado sofre qualquer tipo de edição e/ou manipulação, porém o autor do blog se reserva o direito de excluir todo e qualquer comentário que apresente temática ofensiva, palavras de baixo calão, e qualquer tipo de preconceito e/ou discriminação racial, estando assim em desconformidade com nossa Política de Privacidade.

Oscar