22 de novembro de 2012

Meu Hamster é um Gênio – Cheiroso e Ben Travesso Livro 1 [Resenha #085]











Sinopse: Benjamin Travesso é um garoto de nove anos, muito esperto, mas que... odeia matemática. Cheiroso é um hamster falante que detesta sementes e, acredite se quiser, É UM GÊNIO! Juntos são de arrasar! Daqui para frente, Ben e seu novo animal de estimação irão viver aventuras, desafios e perigos inacreditáveis. Mas será que conseguirão ganhar a aposta que o terrível professor de matemática do Ben, o Barba-Negra McCreedy, acabou de fazer? Cheiroso terá de ajudar Ben com os deveres de casa. Ben precisará vencer a desconfiança de todos. E juntos aprenderão uma grande e valiosa lição.


Meu Hamster é um Gênio é o primeiro livro publicado pela Editora Valentina, e é bom ver que começaram com o pé direito.

No livro, escrito por Dave Lowe, Ben é castigado por sua mãe após amarrar sua irmã na cama – a pedido dela, que fique claro. Para tentar fazer com que o garoto amadureça e tenha alguma responsabilidade, ela, a mãe, decide que ele deve ter um bichinho de estimação, ficando encarregado de cuidar dele: alimentar, higienizar, zelar pela segurança e etc. É aí que entra o hamster, que ganha o nome de Jasper Bumbum Cheiroso, ou apenas Cheiroso.

Ben não tem uma família lá muito funcional: apesar da mãe preocupada, o pai é chegado em jogos e apostas – como a com o professor Barba-Negra McCreedy, o que trará boa parte do humor presente no livro, e tudo que ele faz é com uma boa intenção que segue uma lógica um tanto quanto questionável. E ainda tem a irmã, e relacionamentos com elas sempre são tensos.

Por se tratar do primeiro livro da editora, fiquei bastante satisfeito com o resultado. O papel tem uma boa gramatura, então você não consegue ler o texto de três páginas sem precisar virá-las – o que vem acontecendo com frequência em títulos de grandes editoras – o livro tem uma encadernação firme, com um formato próximo aos pockets da L&PM – largura um pouco maior – o que dá um charme a mais com a lombada quadrada.

As ilustrações, de Mark Chambers, são muito bem feitas e contém informação o suficiente, nada que polua as páginas ou tire  foco do livro – acredito que ilustrações devem ser acessórias neste tipo de livro. Se antes o público alvo deste título estava acostumado a livros com muitas ilustrações e algum texto para ajudar a contar a história, aqui ele faz a transição sem traumas, com uma boa quantidade de texto seguido pelas ilustrações que o ajudarão a se situar – e elas estão sempre no lugar certo, pois nada pior que uma ilustração colocada fora de contexto.

O tamanho da fonte é bastante adequado e o espaçamento ajuda a não deixar que tudo fique embaralhado, assim, mesmo nas páginas em que texto se funde com ilustrações o resultado é harmônico e não tira o ritmo da leitura.

E não posso deixar de comentar o quão bacana é a “mordida” que o livro possui na parte superior. Ela não estava lá quando vi a capa pela primeira vez, então só percebê-la quando tinha o livro em mãos foi uma grata surpresa.

O texto possui uma estrutura simples, narrado em primeira pessoa, por Ben, o que facilita que se entre no clima. Não há nada tão complicado que afaste leitores um pouco mais jovens; ao mesmo tempo que em momento algum o autor subestima seu público. Optando por conversar com ele em pé de igualdade, facilitou muito a identificação do leitor com o personagem, narrando problemas que são bastante comuns para um garoto de nove anos: família, escola, e tudo o mais.

As festas de fim de ano estão chegando, e Meu Hamster é um Gênio é um presente perfeito. Primeiro volume de uma série, ele tem um garoto simpático, um hamster falante e um texto leve, de fácil assimilação, que passa longe do tom professoral – que muitos autores insistem em inserir em seus livros – mesmo quando Ben aprende uma importante lição. É diversão garantida.


Meu Hamster é um Gênio - Cheiroso e Ben Travesso Livro 1, de Dave Lowe – com ilustrações de Mark Chambers (My Hamster Is a Genius, 2012Tradução de Aline Leal, 2012) – 108 páginas, ISBN 9788565859004,  Editora Valentina.
{B+}

22 comentários:

  1. Todo mundo fala dessa mordida no livro, queria vê-lo pessoalmente só pra dar uma olhadela nessa mordidinha UAHUSHUSHUAHUSUA

    A estória parece bem legal, gosto de livros mais infantis pra dar uma desanuviada.

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ágata, ela suroreende quando você vê pela primeira vez, é um belo detalhe no livro, que é mesmo ótimo para dar aquela desestressada ;)

      Excluir
  2. Eu to com vontade de ler esse livro!!! E com mordida ai fica melhor ainda!!! Sou uma mordedora kkk...

    Sim, eu adoro esse tipo de literatura e tanto quanto essa capacidade que os animais tem de ensinar responsabilidade na prática as crianças e adolescentes... Quer dizer, quando os pais deixam, porque aqui em casa isso nunca rolou, Batatinha é o gato do meu irmão, mas ele nem a ração compra e quando Batata ta com fome vem pedi a mim e não a meu irmão... Eu odeio isso de em meu irmão! #MomentoDesabafo

    E sim, como vc disse a relação entre irmãos é tensa e esse é outro motivo para o livro entrar na minha lista, adoro ri de histórias assim de irmãos... me faz ri da minha própria história e me deixa com o humor leve!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pandora, o livro tem uma pegada certeira para o público-alvo, o trata com sinceridade, pode-se dizer, e por isso mesmo que até os mais idosos, rs, conseuem ler sem problemas.

      A, e relação com irmãos sempre rendem boas discussões, rs.

      Excluir
  3. Oi Luciano!
    Acho que esse livro proporciona uma leitura leve e agradável,essa é a sensação que tenho ao olhar para a capa,lendo o seu post vejo que o livro consiste nisso em boa parte,com certeza uma boa opção para presentear nesse fim de ano.
    Um forte abraço.

    Bruno
    http://oexploradorcultural.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruno, é exatamente isso. É um livro leve, divertido, que os mais novos com certeza adorarão ganhar de presente este fim de ano.

      Excluir
  4. Acredito que começar com projetos gráficos interessantes e bem trabalhados seja a melhor estratégia para que uma editora se coloque no mercado. Não é o livro que eu pretendo ler para conhecer a Editora Valentina, vou esperar eles variarem o catálogo um pouco mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, concordo, ela deixa sua marca, diz a que veio ;) Dela estou esperando ansiosamente pelo Speak, da Laurie Halse Anderson, autora de Garotas de Vidro.

      Excluir
  5. Super gostosa essa história ! Devo estar recebendo o livro para a semana e não vejo a hora de ler ver de perto essa mordida.
    Gostei de saber de seu parecer e vejo que a Valentina está chegando com boas obras e de qualidade!
    Com certeza um bom presente para o fim de ano.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irene, o livro é muito gostosinho de ler mesmo, desce rapidinho. Vale muito a pena.

      Excluir
  6. Tenho lido muitas resenhas sobre esse livro e sempre que leio outra vou ficando mais e mais curiosa e com muita vontade de ler.Gosto de livros que tenham leitura fácil, leve e compreensível. Amei sua resenha, está muito boa mesmo.

    ResponderExcluir
  7. Otimo livro, e as crianças daqui de casa irão amar \o

    ResponderExcluir
  8. Parece um livro muito gostoso de ler, com muita diversão e alegria!
    Adoraria ter a oportunidade de ler junto com meu sobrinho
    adorei a resenha
    bjos

    ResponderExcluir
  9. Fiquei aqui pensando na frase onde você diz que ele é castigado apesar de só ter feito o que a irmã queria...shausha...me lembrou minha infância...kkkk...muito fofo esse livro e fiquei curiosa, claro que não poderia deixar de saber sua opinião e participar do sorteio...\o/...bjus elis - http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Todo mundo anda falando desse livro e eu queria ler pra matar a curiosidade. Me lembra "Querido Diário Otário" e "O Diário de um Banana"

    ResponderExcluir
  11. Eu quero, eu quero e eu quero. Isso é bem sério! Já li umas cinco resenhas desse livro da editora, mas em nenhuma delas os autores disseram que era o primeiro livro da editora. Pelo visto fizeram um ótimo trabalho, porque a capa é uma fofura e essa mordida extremamente cute-cute! Gosto do jeito que você resenha.
    Beijo!
    Doce sabor dos livros

    ResponderExcluir
  12. O livro vem bombando na blogosfera,e é impossível não ficar com vontade de lê-lo!
    Achei uma graça a 'mordida',super diferente e caiu bem a editora colocar algo assim em seu primeiro livro.
    Apesar de o público-alvo ser as crianças,eu fiquei bem curiosa para conhecer a história de Ben e Cheiroso =]

    Adorei sua resenha!

    Beijooss,
    Jennifer

    ResponderExcluir
  13. Adorei o livro, quero pra mim!

    ResponderExcluir

Olá, seu comentário é muito importante para nós.

Nenhum comentário aqui publicado sofre qualquer tipo de edição e/ou manipulação, porém o autor do blog se reserva o direito de excluir todo e qualquer comentário que apresente temática ofensiva, palavras de baixo calão, e qualquer tipo de preconceito e/ou discriminação racial, estando assim em desconformidade com nossa Política de Privacidade.

Oscar